WORKSHOP: Gestão em Museus

com MARÍLIA BONAS (12/novembro/2012)

O workshop foi uma atividade voltada para pessoas envolvidas com atividades culturais e teve como objetivo “oferecer um referencial teórico sobre a gestão de museus e ferramentas aplicáveis para diagnóstico e planejamento de instituições de porte e tipologia variados”.

workshop_mariliabonas

Ao término, os participantes receberam uma relação de sites e manuais disponíveis para download sobre os temas abordados em classe. De acordo com dados do Sistema Estadual de Museus, o Estado de São Paulo reúne hoje (novembro/2012) 415 instituições museológicas, concentradas em 190 municípios. No entanto, no Estado, há somente um curso técnico na área, localizado na capital. Então, quem são, qual é o repertório e como atuam os gestores e técnicos de tais equipamentos culturais?

Como, por exemplo, num universo cultural conduzido pelas novas tecnologias, lançar a eles e a seus acervos o desafio de tornar atraente, com recursos diminutos, um pequeno acervo histórico – que requer um longo trabalho de pesquisa e preservação? Tais questões, comuns a maior parte dos museus do Estado, balizam a presente proposta de atividade, que pretende, por meio da discussão teórica sobre gestão e planejamento, amparar a aplicação de ferramentas diagnósticas e de ação para atuação pontual em instituições de tipologias e portes diversos.

A área de gestão museológica apresenta uma série de desafios na contemporaneidade: poucas opções formativas, dificuldade de financiamento de ações de conservação e pesquisa, condicionamento das propostas de extroversão às necessidades mercadológicas, etc. No interior do Estado de São Paulo, o cenário é ainda mais complexo. A grande parte dos acervos institucionalizados não diz respeito à memória ou história da região. Tendo sido arranjados numa perspectiva de gabinetes de curiosidade histórico-pedagógicos, tais acervos correspondem às mais variadas tipologias, requerendo diferentes estratégias para pesquisa, preservação e documentação. A atividade proposta, então, atendeu de maneira preliminar à necessidade de instrumentais básicos que cubram do escopo ao detalhamento de programas na área de gestão museológica.

workshop_gestaoemmuseus