Abertura da exposição “Finjo não sentir”, de Adolfo Emanuel

Post02 abertura

Exposição “Finjo não sentir”, de Adolfo Emanuel.

ABERTURA: 09/08/2018 (quinta-feira), às 19h, no Memorial RB.

Adolfo Emanuel nasceu em 1989 na cidade de Cornélio Procópio – PR. Atualmente vive e trabalha em Londrina – PR. É licenciado em Artes Visuais, desde 2010, pela Universidade Estadual de Londrina (UEL) e, desde 2009, tem participado de exposições coletivas e individuais pelo Brasil.

Em sua pesquisa poética, o desenho é uma das linguagens mais utilizadas. Seu trabalho tem uma forte base naturalista pautada na observação de objetos e na meticulosidade dos procedimentos.

“Em minha produção procuro investigar anatomias, constituições vegetais e outros tipos de corpos que se apresentam para mim. Interessa-me que os trabalhos que desenvolvo sejam pautados na observação, em certo dado naturalista e na meticulosidade, como um apontamento para a realidade física; mas também, por evidenciar o controle como um imperativo.

(…)

Em contrapartida a esta objetividade naturalista, procuro apontar também para um sujeito que está afetado emocionalmente por outro. Interessa-me nos trabalhos este antagonismo de um rigor constitutivo, muito próximo do científico, e um indivíduo que foge deste caráter “exato”, que muitas vezes se auto sabota e é passível de mentir. Um sujeito silencioso.”

 

PERÍODO DA EXPOSIÇÃO: de 10/08 a 05/10/2018
HORÁRIO DE VISITAÇÃO: de segunda a quinta, das 14h às 18h;

sexta, das 14h às 20h.

Demais horários mediante agendamento.